quarta-feira, 27 de outubro de 2010

Sou sua fera

Venha, renda-se ao meu chamado de gata no cio!
Pois eu sou pantera e, aqui e agora, sou tua fera.
Eu rujo e arranho teu corpo!
Venha, se ousar brincar com fogo!
Saiba que, se saíres vivo,
Estarás, no mínimo, queimado!
Venha, eu quero te ter...
Dentro, fora, embaixo e sobre mim!!!
Venha, jamais provaste algo assim...
Renda-se a mim..
Sucumba ao delírio, à paixão,
E ao tesão!
Venha, percorra meu corpo,
brinque comigo,
descubra os meus mistérios,
sacie tua vontade,
para então eu saciar a minha fome e a minha sede .
Deixe-me te envolver com o abraço
das minhas coxas,
Quero gozar contigo,
quero me diluir em ti.
Quero te devorar,
sentir teu cheiro, teu gosto,
teu sal, teu suor, teu gozo!
Venha, seja meu!
Sou tua pantera, tua fera!
Entrega-te ao meu êxtase animal:
Me banqueteio com teu corpo exausto.

Viu, eu disse que era tua fera!
Sabias os riscos de copular com uma pantera!

4 comentários:

  1. Quanta coisa linda aqui!
    Parabéns pelo blog, Estou seguindo seu blog
    venha conhecer o meu será um prazer ótima noite.

    ResponderExcluir
  2. Obrigada querida fico feliz que tenhas
    Gostado de me blog, Os seus tb são lindos!
    Se quiser pegue meu mimo de aprova esta na sala de link-me pegue
    O que quiser bjs

    ResponderExcluir
  3. OI,estou revisitando o seu blog. Adoro teus poemas, cheios de sensualidade mas de um extremo bom gosto. Sensual, sem vulgaridade.
    Tenho até vergonha do meu blog, pleno de contos pesados..te desejo um bom feriado e uma ótima semana.. beijos e parabéns

    ResponderExcluir

 
BlogBlogs.Com.Br